Participação do Viagem na Itália em blog tours


Dicas de Rimini e arredores / Dicas na Emília-Romanha

Eis a participação do Viagem na Itália em alguns blog tours:

Loving Romagna

Que a Itália tenha uma das melhores gastronomias do mundo, isso é fato, mas uma coisa aprendi durante esses anos em que moro na Bota: cozinhar é uma arte! E como não sou cozinheira de mão cheia, limito-me a comer as delícias italianas e a apreciar um bom vinho, o que já me ajudou a desenvolver um certo “paladar crítico” com alguns sabores que provo quando não estou na Itália.

E para aumentar ainda mais a minha exigência no quesito gastronômico, de 16 a 18 de setembro de 2014, participei do blog tour #LovingRomagna em Bellaria-Igea Marina, província de Rimini, perto da minha casa ☺

Gastronomia italiana: blog tour em Bellaria, província de Rimini


Durante o blog tour #LovingRomagna, realizado no Hotel Eliseo em Bellaria, por três dias eu e outros oito blogueiros aprendemos um pouco mais sobre a gastronomia da Romanha (região administrativa da Emília-Romanha) com Nonna Violante, uma “vovó” simpática que conquistou todos nós participantes pela sua paciência e doçura em nos ensinar a arte da culinária.

Das 15h às 18h, tínhamos aulas na própria sala de refeições do hotel, onde Nonna Violante e sua equipe nos explicavam os truques e curiosidades dos pratos típicos romanholos.

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Nonna Violante, à esquerda de óculos, com sua equipe do hotel.

No nosso grupo de blogueiros, alguns eram mesmo especializados em comida (os conhecidos food bloggers), então entusiasmo e empenho não faltaram para estes cuja paixão é realmente a gastronomia.

Confesso que só tentei ter um pouco mais de intimidade com o rolo de massa no primeiro dia, pois estava mais animada em fazer fotos e ver o desempenho dos meus colegas na “cozinha” ☺

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Os blogueiros em pose! Foto de Chris Faron.

Na manhã do primeiro dia do blog tour, fizemos um passeio pelo porto de Bellaria com direito à recepção por algumas pessoas ligadas ao turismo da cidade. Certamente não podia faltar a famosa piada (ou piadina) romanhola, uma iguaria típica desta região.

Caí dentro da piada recheada com anchova e chicória ou com salmão. O vinho também não podia faltar.

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Simplesmente eu ♥ piada recheada com ancovas + verdura. A de salmão também estava deliciosa!

Depois da recepção no porto, conhecemos a Torre Sarracena, sede do Museu das Conchas, com uma guia de turismo da cidade e, posteriormente, voltamos para o hotel, almoçamos e à tarde fizemos a nossa aula de culinária com Nonna Violante e sua equipe.

O jantar, sempre no hotel, foi acompanhado por música ao vivo com um grupo típico romanholo. Mais tradicional do que isso, impossível.

No segundo dia, tivemos a manhã livre, almoçamos e fizemos a nossa aula à tarde. Outras guloseimas a serem preparadas e devoradas pelos blogueiros no jantar.

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Sou suspeita para falar, já que adoro peixe, mas esta solha estava demais: grelhada e depois empanada

Após o jantar, fomos visitar o burgo medieval de Santarcangelo de Romanha, sempre na província de Rimini. Fizemos um passeio guiado noturno pelo centro histórico para descobrir mais sobre sua história e curiosidades.

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Centro histórico de Santarcangelo de Romanha. Leia mais sobre este burgo medieval aqui.

No terceiro e último dia do nosso blog tour, a aula de culinária foi ótima, já que Nonna Violante nos ensinou a cozinhar algumas sobremesas romanholas. Basta ver as fotos abaixo…

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Frutas cozidas com cravo: pêssego, pera, maçã e ameixa. Leia sobre as estações das frutas na Itália.

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Biscoitos Offele dei Malatesta. Um doce de muitos séculos, cuja receita Nonna Violante foi pesquisar diretamente na biblioteca da região.

E assim termimou o blog tour #LovingRomagna no Hotel Eliseo, Bellaria-Igea Marina, província de Rimini, com gostinho de quero mais ☺

Gastronomia italia blog tour #LovingRomagna

Meu certificado na primeira edição de #LovingRomagna no Hotel Eliseo.


Leia o que já publiquei sobre gastronomia italiana.


* Participei do blog tour #LovingRomagna a convite do Hotel Eliseo. Meu agradecimento também à Alessandra Catania, blogueira do 21 Grammy, e à Monica Cesarato, blogueira de Monica Cesarato.

Romagna Buon Vivere

De 1º a 6 de outubro de 2014, participei do blog tour Romagna Buon Vivere* na Romanha, região administrativa da Emília-Romanha. Gastronomia, cultura e bem-estar foram os temas desta iniciativa e, neste texto, procurei fazer um resumo do que eu e os outros blogueiros participantes experimentamos e vimos em algumas cidades romanholas.

Turismo na Romanha: gastronomia, cultura e bem-estar


O nosso primeiro destino do blog tour Romagna Buon Vivere foi o Grand Hotel Terme di Riolo, província de Ravena (Ravenna), onde dormimos por três noites. Este hotel está próprio ao lado das Termas de Riolo, um centro de tratamentos terapêuticos e relaxantes com uma grande piscina de águas termais, saunas, banho turco, etc.

Turismo na Romanha

O edifício principal das Termas de Riolo.

Durante a nossa estadia neste oásis do bem-estar, aproveitei para tomar banho na piscina termal e também para fazer uma massagem na coluna com lama da própria nascente das Termas de Riolo.

Turismo na Romanha

Aproveitei uma tarde na piscina termal.

Nas redondezas do hotel, tivemos a oportunidade de conhecer o Giardino delle Erbe di Casola Valsenio, jardim criado em 1975 e cujo nome é em homenagem ao seu fundador, Augusto Rinaldi Ceroni. Este espaço dedicado às plantas terapêuticas e aromáticas conta com cerca de 450 espécies, as quais são utilizadas na gastronomia, medicina e cosmética desde a Baixa Idade Média, quando eram trabalhadas nos laboratórios dos conventos.

Turismo na Romanha

Uma das espécies de plantas do Giardino delle Erbe di Casola Valsenio, província de Ravenna.

No tema da cultura, conhecemos a Abadia de Valsenio, fundada pelos mônacos beneditinos por volta do ano 1000. A parte mais interessante da igreja são os restos arqueológicos de um antigo templo de culto no seu subsolo.

Turismo na Romanha

Blogueiros em ação no restos arqueológicos de um antigo templo de culto na Abadia de Valsenio.

Um outro lugar cultural que adorei visitar foi a Fortaleza Sforzesca de Riolo Terme: máquinas de guerra, indumentos da Idade Média e achados arqueológicos da Idade do Ferro até a época romana são alguns dos elementos que compõem o percurso da visita nesta fortaleza medieval.

Turismo na Romanha

Indumentos medievais em uma das salas da Fortaleza Sforzesca de Riolo Terme.

A noite mais chique do nosso blog tour foi o jantar de gala no Teatro Verdi de Cesena, província de Forlì-Cesena.

Turismo na Romanha

À parte eu e Alessandra, todos os outros blogueiros concentrados com seus smartphones.

Ao lado da cultura e do bem-estar físico e mental, a gastronomia romanhola também foi a grande protagonista neste blog tour. Pratos e vinhos típicos da Romanha não faltaram em nossas mesas e, para a alegria do meu paladar, um bom talharim com molho de peixe foi servido no nosso almoço a bordo de um barco atracado no porto de Cattolica, província de Rimini.

Turismo na Romanha

Talharim com molho de peixe, um dos pratos do nosso almoço durante a nossa visita a um barco atracado no porto da cidade de Cattolica.

De Riolo Terme nos transferimos para Riccione, onde moro. Aqui dormimos duas noites no Hotel San Giorgio, um quatro estrelas que foi apenas reformado e o aconselho a todos aqueles que queiram visitar a cidade. De Riccione fomos a Cattolica, onde, como escrevi acima, tivemos o grande prazer de almoçar peixe a bordo de um barco atracado no porto.

Depois do almoço, saímos em um barco pesqueiro para ver como se pescam mariscos.

Turismo na Romanha

Barco pesqueiro típico para mariscos.

Em uma das nossas duas noites em Riccione, fomos degustar uns peticos e tomar um bom vinho no Bar Bevvabè, local estilo anos 70.

Turismo na Romanha

Bar Bevvabè no centro de Riccione, cidade onde moro.

E este foi um resumo geral do nosso blog tour Romagna Buon Vivere por terras romanholas. Se visitar esta parte da Itália, tenho certeza de que você ficará encantando com suas belezas naturais, culturais e, logicamente, gastronômicas ☺

At San Salvador Hotel

De 25 a 27 de maio de 2015, participei do blog tour* #AtSanSalvadorHotel em Bellaria-Igea Marina, província de Rimini, região Emília-Romanha.

Eu e outros blogueiros ficamos hospedados no Hotel San Salvador, organizador da iniciativa. Bellaria-Igea Marina é um balneário turístico muito frequentado por famílias italianas e alemãs, pois oferece um ambiente tranquilo para quem não quer tanta badalação e quer mais curtir a praia e os arredores da cidade.

Neste texto, resolvi reunir várias fotos para poder mostrar para vocês as opções culturais que existem na Romanha (área geográfica compreendida entre Bolonha e o município de Cattolica, este também na província de Rimini).

Blog tour na Romanha: Base no Hotel San Salvador, Bellaria, província de Rimini


Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Torre Sarracena e Museu das Conchas

Imagem da Torre Sarracena, construída no século XVII pelos próprios pescadores. Depois das várias invasões e roubos sofridos pelos piratas turcos no fim do século XVI, o Estado Pontifício decidiu construir torres ao longo da costa para defender os habitantes contra esses ataques.

A torre é sede do Museu das Conchas, o qual é aberto de junho a setembro, todos os dias, das 20h30 às 23, todos os dias, exceto às segundas. A entrada é gratuita, assim como o serviço de visita guiada durante o horário de abertura.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Casa-museu de Panzini

Casa Rossa (Casa Vermelha) de Alfredo Panzini: É um museu e parque natural. É chamada de Casa Vermelha pela própria cor externa, construída em 1906 pelo escritor, crítico literário e lexicógrafo Alfredo Panzini. Para saber mais sobre o museu e o escritor, clique aqui.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Santarcangelo di Romagna

Entrada das grutas de Santarcangelo di Romagna. Nessas grutas foi encontrado um antigo templo dedicado a Júpiter (Giove, em italiano), daí o nome do famoso vinho varietal Sangiovese (é o que explicam os guias de turismo da cidade).

Saiba mais sobre vinhos varietais em  “Vinho em Prosa.”


Confira também este meu texto com vinhos típicos da Emília-Romanha.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Dentro do antigo templo dedidado ao Deus Júpiter numa das grutas de Santarcangelo di Romagna. O acesso a essa gruta é feito somente com visitas guiadas.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Típica construção no burgo de Santarcangelo di Romagna.

Curiosidade: Sempre no burgo de Santarcangelo di Romagna, você pode visitar a única calandra do mundo, por peso e dimensão, construída no século XVII e ainda em funcionamento.

Calandra

1  Rubrica: engenharia mecânica, artes gráficas.
prensa usada para produzir matrizes de estereotipia
2    Rubrica: engenharia mecânica, indústria de papel.
máquina constituída de vários cilindros, entre os quais corre a folha de papel contínuo a fim de torná-la alisada e lustrosa; acetinadeira
3    Rubrica: engenharia mecânica, indústria têxtil.
máquina para lustrar, alisar ou frisar tecido

Dicionário Houaiss

Para fazer uma visita guiada em grupo ou individual à Antica Stamperia Artigiana Marchi, a qual guarda a calandra, reserve diretamente por este site (em português).

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Antiga calandra do século XVII, única no mundo por peso e dimensão, ainda em funcionamento.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Templo Malatestiano, centro histórico de Rimini.

Templo Malatestiano de Rimini

Templo Malatestiano no centro histórico de Rimini, único do gênero na Itália, pois, sendo de época renascentista, é praticamente desprovido de afrescos e pinturas. Sua beleza está fundada nas esculturas simbólicas. Saiba mais sobre o Templo Malatestiano, em Rimini.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Um cantinho completamente escondido no centro histórico de Rimini. Só o descobrimos graças ao nosso guia de turismo que nos acompanhava por uma visita guiada.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Ponte di Tibério, centro histórico de Rimini.

Ponte de Tibério

A famosa Ponte de Tibério, um verdadeiro tesouro da época do Império Romano e que ainda sobrevive ao tráfego de carros e motos sobre a sua estrutura milenar. Saiba mais sobre a Ponte de Tibério, em Rimini.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

No Burgo de San Giuliano, você encontra vários restaurantes que oferecem a típica cozinha romanhola. Escolha um e se delicie com o melhor da comida italiana.

Na foto, uma cerveja italiana totalmente artesanal.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Museu Renzi, burgo de San Giovanni in Galilea

No burgo de San Giovanni in Galilea (província de Forlì-Cesena), visitamos o Museu Renzi, fundado em 1885 por Dom Francesco Renzi, o qual tem seções de Pré-Proto-História, Romana, Medieval, etc. A entrada do museu é gratuita. Para todas as informações, visite diretamente o site do Museu Renzi (italiano).

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Com a guia em uma das seções do museu. Se quiser fazer uma visita guiada, saiba mais no site do museu.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Achados arqueológicos no Museu Renzi.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

No burgo de San Giovanni in Galilea passa o 44º paralelo terrestre 🙂

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Abadia de São Leonardo em Montetiffi, na parte mais alta do burgo.

Abadia de São Leonardo em Montetiffi, província de Forlì-Cesena

Vista da torre da Abadia de São Leonardo em Montetiffi, Sogliano sul Rubicone, província de Forlì-Cesena. Foi fundada pelos monges beneditinos por volta da metade do século XI. Para conseguir visitar essa abadia, tivemos que pedir a uma moradora do burgo para que a abrisse para nós.

Pode parecer engraçado (e tragicômico), mas há vários monumentos italianos que são abertos pelos próprios moradores, os quais ficam com a chave do portão de entrada, como a dessa abadia em Montetiffi…

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Interior da Abadia de São Leonardo em Montetiffi, província de Forlì-Cesena, Emília-Romanha. A moradora do burgo que nos abriu a igreja é a idosa à esquerda na foto, de saia preta.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Interior da Abadia de São Leonardo em Montetiffi, província de Forlì-Cesena, Emília-Romanha.


Para conhecer os lugares acima citados, é necessário estar de carro. Aproveite e alugue um com o nosso parceiro RentalCars aqui.


Por total lapso da minha parte, não tirei fotos do Hotel San Salvador em Bellaria e, por isso, as duas abaixo foram fornecidas pela própria estrutura.

Você pode ter mais informações e fazer a reserva do seu quarto nesse hotel três estrelas aqui.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Banheiro do quarto do Hotel San Salvador em Bellaria, província de Rimini. Foto do próprio hotel.

Blog tour na Romanha. #AtSanSalvadorHotel em Bellaria

Quarto de casal do Hotel San Salvador em Bellaria, província de Rimini. Foto do próprio hotel.


* Este texto é resultado da minha experiência pessoal enquanto convidada do blog tour #AtSanSalvadorHotel em Bellaria, província de Rimini.


* Todas as informações do presente texto são de minha própria opinião e sem a interferência de terceiros.

** Esta postagem contém links de parceiros afiliados. Saiba mais sobre a Política de Monetização do blogue.


VIAGEM NA ITÁLIA

Desde 2003, sou residente em Riccione, um balneário turístico na região Emília-Romanha. No fim de maio de 2013, decidi tirar da gaveta a ideia de escrever um blogue com dicas de viagem na Itália, divulgando, assim, o maravilhoso patrimônio artístico, cultural e paisagístico que só este país pode oferecer. Desde 2018, trabalho como guia de turismo autorizada em Bolonha, Roma e Vaticano. Estou também no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. Assine a newsletter mensal.

Comments

  1. Olá!
    Viajarei para Roma em dezembro… o que você aconselharia a fazer ou visitar que não se encontra em nenhum guia?
    obrigado

Deixe seu comentário ☺

error: