Roma Secreta: Basílica “dei Santi Quattro Coronati”


Dicas de Roma, Vaticano e arredores

Roma secreta: O que não falta na capital italiana é igreja para ver. Há para todos os gostos artísticos e para todos os santos devotos. À parte as mais famosas, como São Pedro, Santo Inácio de Loyola e San Pietro in Vincoli, poder rodar a cidade e descobrir algumas que não fazem parte do tão batido roteirão turístico é como encontrar um tesouro, no sentido literal e figurado.

Em uma das minhas idas à Cidade Eterna, uma das minhas descobertas foi a divina Basílica dei Santi Quattro Coronati com as suas monjas agostinianas de clausura e os afrescos do Oratório de São Silvestre.

Roma secreta: Basílica dei Santi Quattro Coronati

Uma pérola que merece ser visitada em Roma: Basílica dei Santi Quattro Coronati. Por estar dentro de um complexo fortificado, o qual conta também com o convento das monjas agostinianas de clausura e o Oratório de São Silvestre, a basílica pode ser visitada num reino de tranquilidade, assim como os afrescos do oratório podem ser contemplados no silêncio, uma grande vantagem que as outras igrejas mais badaladas não têm.

Roma Secreta: Basílica dei Santi Quattro Coronati, centro histórico

Uma das coisas de que mais gosto na Itália é poder conhecer igreja, e toda vez que vou a Roma não deixo de visitar uma nova. Apesar de a Igreja de Santa Maria da Vitória (Santa Maria della Vittoria) ser uma das minhas preferidas, não posso negar que cada uma tem o seu encanto, sua importância histórico-cultural e seu fascínio artístico.

Basílica localizada na Colina de Celio

A Basílica dei Santi Quattro Coronati, localizada na Colina de Celio, perto da Basílica de San Giovanni in Laterano, situa-se dentro de um complexo fortificado, no qual existe também um convento de freiras agostinianas de clausura o Oratório de São Silvestre.

Roma secreta: Basílica dei Santi Quattro Coronati

O convento das monjas agostinianas de clausura, no interior do complexo fortificado da Basílica dei Santi Quattro Coronati, em Roma. Apesar de viverem trancadas no convento, as monjas são muito simpáticas ao receberem os visitantes. Pelo menos, assim foram comigo 🙂

O lindo Oratório de São Silvestre

Ao passar pelo portão de entrada, o visitante se depara com um pequeno pátio: em frente, está a basílica, à direita, o famoso Oratório de São Silvestre (San Silvestro), construído em 1246 sob encomenda do cardinal Stefano Normandis.

Roma secreta: Basílica dei Santi Quattro Coronati

Oratório de São Silvestre: a vista que você tem ao entrar nesse monumento. Seus afrescos do século XIII também mostram algumas cenas da famosa lenda do imperador romano Constantino.

O interessante para se visitar o Oratório de São Silvestre é que você terá que pedir às monjas de clausura para abri-lo para você. E como se pede? Simples: em frente à porta de entrada do oratório, está também a porta de “comunicação”das monjas com o mundo externo, a qual tem, ao seu lado, uma campainha.

Quero receber a newsletter mensal de Viagem na Itália

Toque-a. Pode ser que alguma monja demore para abrir a porta, como foi o nosso caso, mas não perca as esperanças e toque a campainha novamente até que alguma delas atenda.

Quando uma das monjas aparecer, diga-lhe que você gostaria de visitar o oratório. Ela irá abrir a porta deste último (um dispositivo automático abre a porta) e você poderá apreciar os maravilhosos afrescos do século XIII nesse monumento.

Roma secreta: Basílica dei Santi Quattro Coronati

Detalhe de um dos afrescos do Oratório de São Silvestre. Construído em 1246, o oratório foi decorado sucessivamente, em 1248, por artistas bizantinos. No século XVII, virou oratório da universidade dos escultores e marmoristas.

Os quatro santos da basílica

Depois do Oratório de São Silvestre, visitamos a Basílica dei Santi Quattro Coronati, superdica de uma Roma secreta (fica à direita de quando você sai do oratório).

A sua parte interna é típica de uma basílica medieval. Os quatro santos aos quais o nome da basílica faz referência são: Castorio, Sinfroniano, Claudio e Nicostrato.

Esses santos, antigos soldados romanos, foram martirizados porque se recusaram a adorar o deus Esculápio. Cinco escultores também se recusaram a adorar esse deus, e, por isso, a basílica é lugar de devoção de escultores e marmoristas.


Leia minhas outras dicas de Roma,Vaticano e arredores.


Roma secreta: Basílica dei Santi Quattro Coronati

Afresco sobre a porta de entrada do Oratório de São Silvestre. A obra representa o Cristo, Maria, São João e os Apóstolos. É permitido tirar fotos dentro do oratório, mas turista consciente, e inteligente, tira fotos sem flash para não danificar as obras de arte.

O dia que visitei essa basílica, 28 de agosto de 2013, era, por coincidência, o dia de Santo Agostinho, santo da ordem religiosa das monjas de clausura.

Como elas estavam preparando uma pequena recepção no jardim do convento, não conseguimos visitar este último.

Uma das monjas até nos convidou para o aperitivo, mas não pudemos ficar porque tínhamos outros lugares para visitar. Um bom motivo para retornar a essa basílica só para ver o jardim do convento.


Roma Secreta: Informações sobre a Basílica dei Santi Quattro Coronati


 Via dei Querceti. A basílica fica perto do Coliseu e da Basílica de San Giovanni in Laterano.

Horário de abertura da basílica: 6h30 às 12h45 e das 15h às 19h45.

Abertura do convento com o seu jardim: das 10h às 11h45 e das 16h às 17h45.

O Oratório de São Silvestre fica aberto das 8h30 às 11h45  e das 16h às 17h45.


* Esta postagem contém links de parceiros afiliados. Saiba mais sobre a Política de Monetização do blogue.


VIAGEM NA ITÁLIA

Desde 2003, sou residente em Riccione, um balneário turístico na região Emília-Romanha. No fim de maio de 2013, decidi tirar da gaveta a ideia de escrever um blogue com dicas de viagem na Itália, divulgando, assim, o maravilhoso patrimônio artístico, cultural e paisagístico que só este país pode oferecer. Desde 2018, trabalho como guia de turismo autorizada em Bolonha, Roma e Vaticano. Estou também no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. Assine a newsletter mensal.

Deixe seu comentário ☺

error: