CamBio Logico: restaurante vegano e raw food em Forlì, Emília-Romanha


Gastronomia italiana

Para você que é adepto da cozinha vegana e/ ou raw food (comida crua), recentemente tive a oportunidade de jantar no Ristorante CamBio Logico, centro histórico de Forlì, região Emília-Romanha, durante o blog tour #BuonVivere*. Eu já havia comido em outros restaurantes veganos aqui na Itália, porém o CamBio Logico foi uma novidade para mim pela variedade de seu cardápio e a excelente qualidade de seus pratos.

Restaurante vegano e raw food em Forlì: CamBio Logico


Comida vegana e crua na Itália

Entrada vegana: suco de romã e um tipo de torrada com queijo de castanha-de-caju. Detalhe para a garrafa d’água com a escrita “acqua sana” (água saudável).

Os grãos, sementes e castanhas germinados são componentes importantíssimos na cultura raw food (comida crua ou crudivorismo) e na dieta da alimentação viva, baseada em vegetais crus, frescos e orgânicos cheios de energia. Quando germinado, o alimento tem o seu valor nutricional altamente potencializado – em 20 mil vezes – e pleno de prana, a energia vital (Site suacorrida.com.br).

Minha descoberta: o raw food (alimentação viva)

Nunca tinha experimentado pratos da alimentação viva (raw food) e a minha primeira vez foi justamente nesse restaurante forlivese. Na nossa entrada, foi-nos servido um suco de romã em uma gracinha de minijarra (vide foto acima) e um tipo de torrada com um suculento queijo de castanha-de-caju. Simplesmente divino!

Gastronomia italiana: restaurante vegano

Segunda entrada:  Salada de maionese vegana com legumes, o maravilhoso queijo de castanha-de-caju coberto com figo caramelado e salada com cenoura, alface, beringela e pimentão amarelo.

O nosso primeiro prato foi Lasagnetta: Lasanha caseira com farinha de trigo “senator cappelli” e verduras (abobrinha, pimentão e beringela).

Em seguida, comemos Spiralizzati: espaguetes de gengibre e limão com cubos de tomate – raw food.

Cardápio vegano e alimentação viva (raw food) na Emilia-RomagnaSegundo e último prato: hamburger de arroz  “Venere” e brócolis com mayo, molho barbecue, tiras de batata ao forno e uma tortinha de grãos e verduras.

O seitan é um alimento altamente protéico retirado do glúten do grão ou de outros cereais, sendo um verdadeiro concentrado alternativo às tradicionais fontes protéicas de origem animal. Segundo a receita original, o seitan é obtido extraindo-se o glúten da farinha de frumento. Com um aspecto igual ao da carne, o seu sabor é mais delicado e sua consistência mais macia, mesmo se, geralmente, essa última varia de acordo com o tipo de seitan.

Dica de restaurante vegano em Forlì, Emilia-Romagna, norte da Itália

Ristorante CamBio Logico, ótima opção para os adeptos do veganismo e/ ou raw food (alimentação viva, comida crua).

O veganismo não é uma seita, mas um estilo de vida em respeito ao meio ambiente

O veganismo, surgido oficialmente na Inglaterra em 1944, rejeita qualquer bem de consumo obtido pela exploração animal. Isso inclui não só alimentos, mas também cosméticos e artigos de limpeza, além, é claro, de couro, seda e lã – e até visitas a circos, rodeios e zoológicos (Site mundoestranho.abril.com.br).

Confesso que já estava pra lá de satisfeita depois de ter comido duas entradas, dois primeiros pratos e um segundo prato, mas fiz o “sacrifício” de encontrar mais espaço no meu estômago para esta sobremesa


Leia também:  Diga NÃO ao turismo com animais!


Doce cru e vegano na gastronomia italiana

Mousse de melão coberto com grãos de pistache.

O tempeh pertence à grande família dos alimentos derivados da soja. Originário do sudeste asiático e muito difundido principalmente na Indonésia, é obtido por meio de um processo de fermentação do feijão de soja amarelo. Pelo seu aspecto, mas principalmente pelo seu elevado conteúdo protéico, o tempeh é geralmente definido como “carne de soja” e, como o tofu, é um alimento para a alimentação vegetariana e vegana.

E a nossa esbórnia vegana e de alimentação crua terminou com um gosto de quero mais na próxima vez que eu for ao centro de Forlì ☺

Restaurante de comida vengana em Forlì

Na decoração do restaurante, eis que me deparo com LPs de Madonna, Wham! e  o grupo de lambada  Kaoma!!!!


Alimentação vegana e raw food: Ristorante CamBio Logico, Forlì

Para mais informações e consultar o cardápio, visite o site do Ristorante CamBio Logico.


Não deixe de ler minhas dicas da Emília-Romanha.


Quero receber a newsletter mensal de Viagem na Itália.


* Jantei como convidada no Ristorante CamBio Logico durante o blog tour #BuonVivere de 2016. As informações do presente texto são de minha opinião e sem a interferência de terceiros.


VIAGEM NA ITÁLIA

Desde 2003, sou residente em Riccione, um balneário turístico na região Emília-Romanha. No fim de maio de 2013, decidi tirar da gaveta a ideia de escrever um blogue com dicas de viagem na Itália, divulgando, assim, o maravilhoso patrimônio artístico, cultural e paisagístico que só este país pode oferecer. Estou também no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. Assine a nossa newsletter mensal.

Comentários

  1. […] No centro histórico de Forlì, jantamos nesse restaurante de alimentação crua e vegana. Gostei tanto da sua proposta gastronômica que até escrevi mais a respeito neste post: Cambio Logico: restaurante vegano e raw food em Forlì. […]

Deixe seu comentário ☺

error: