☑️ Os 30 monumentos italianos mais visitados em 2018


Museus

O Ministério Italiano da Cultura e do Turismo publicou, em fevereiro de 2019, a lista dos 30 museus, sítios arqueológicos e monumentos nacionais com entrada paga mais visitados na Itália em 2018.

Apesar de o patrimônio artístico-cultural do país não ser tão valorizado como deveria ser, a boa notícia é que, segundo os dados fornecidos pelo ministério, a tendência de visitantes à descoberta das belezas italianas é em aumento ☺

🏛️🖼️🏺 Tours privados na Itália com guia brasileira autorizada

Os 30 monumentos italianos mais visitados em 2018


Monumentos italianos mais visitados. Palácio Real de Caserta (Reggia di Caserta), Itália

A linda vista do enorme parque do Palácio Real de Caserta, o principal concorrente de Versailles. Foto: Arquivo pessoal.

Eis, abaixo, os 30 museus, sítios arqueológicos e monumentos nacionais com entrada paga mais visitados em 2018 segundo os dados fornecidos pelo Ministério Italiano da Cultura e do Turismo.

1º: Circuito Arqueológico “Coliseu, Fórum Romano e Palatino”, em Roma

2º: Ruínas de Pompeia, Nápoles

➡️ Leia meu post sobre as Ruínas da Antiga Pompeia.

3º: Galeria dos Ofícios, em Florença

4º: Galeria da Academia, em Florença

5º: Museu dos Jardins dos Boboli, em Florença

6º: Museu Nacional do Castelo Sant’Angelo, em Roma

7º: Palácio de Venaria Reale, perto de Turim


8º: Museu Egípcio de Turim

9º: Palácio Real e Parque de Caserta, perto de Nápoles

➡️ Leia meu post sobre o Palácio Real de Caserta, Patrimônio UNESCO na Itália.

10º: Circuito de Museus “Galeria Palatina e Apartamentos Monumentais de Palácio Pitti, Galeria de Arte Moderna”, em Florença

11º: Museu Arqueológico Nacional de Nápoles

➡️ Leia meu post sobre o Museu Arqueológico de Nápoles.

12º: Galeria Borghese, em Roma

13º: Ruínas de Herculano

14º: Villa d’Este, Tivoli, perto de Roma

➡️Leia meu post sobre Villa Adriana e d’Este, em Tivoli, Patrimônios UNESCO perto de Roma.

15º: Polo Real de Turim

16º: Escavações de Paestum, Salerno

17º: Cenáculo de Leonardo da Vinci, Milão

➡️ Leia meu post sobre A Última Ceia de Leonardo da Vinci, em Milão.

18º: Pinacoteca de Brera, Milão

➡️ Leia meu post sobre a Pinacoteca de Brera, em Milão.

19º: Museu Nacional Romano, Roma

20º: Capelas dos Médici, Florença

Quero receber a newsletter mensal de Viagem na Itália

21º: Museu Arqueológico Nacional de Veneza

22º: Castelo Scaligero, Sirmione, Bréscia

Castelo Scaligero, Sirmione. Foto: polomuseale.lombardia.beniculturali.it

23º: Ruínas de Ostia Antiga e Museu, perto de Roma

➡️ Leia meu post sobre Ostia Antiga: para caçadores de arqueologia.

24º: Palácio Ducal de Mântua

30 monumentos mais visitados da Itália: Palácio Ducal de Mantova

Palácio Ducal, Mântua. Foto: mantovaducale.beniculturali.it

25º: Galeria da Academia de Veneza

➡️ Leia meu post sobre a Galeria da Academia de Veneza;

26º: Museu Histórico do Castelo de Miramare, Trieste

27º: Grutas de Catullo e Museu Arqueológico de Sirmione, Bréscia

Grutas de Catullo, Itália

Grutas de Catullo. Foto: grottedicatullo.beniculturali.it

28º: Castel del Monte, Andria, Apúlia

29º: Palácio Real de Nápoles

30º: Termas de Caracalla, Roma


E você, conhece algum museu, sítio arqueológico ou monumento desses listados acima?

🏛️🖼️🏺 Tours privados na Itália com guia brasileira autorizada


*Esta postagem contém links de parceiros afiliados. Saiba mais no F.A.Q do blogue.


VIAGEM NA ITÁLIA

Desde 2003, sou residente em Riccione, um balneário turístico na região Emília-Romanha. No fim de maio de 2013, decidi tirar da gaveta a ideia de escrever um blogue com dicas de viagem na Itália, divulgando, assim, o maravilhoso patrimônio artístico, cultural e paisagístico que só este país pode oferecer. Desde 2018, trabalho como guia de turismo autorizada em Bolonha, Roma e Vaticano. Estou também no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. Assine a newsletter mensal.

Comments

  1. Ola amigos,

    Gostaria de uma ajuda de quem conhece bem a Italia. Uma dica de uma cidade legal para passar o Reveillon 2015.
    As cidades que fazerm parte do itinerario sao: Milao, Roma, Bolonha, Florença, Verona

    Obrigada e grande abraço
    Rebeca

  2. Olá, Rebeca,

    Bem, se você procura por agitação no Ano Novo de 2015, então as cidades que você listou acima são ideais, pois oferecem algum tipo de evento gratuito, como shows, queima de fogos nas ruas, praças ou monumentos.

    Como aqui é inverno em dezembro, muitos turistas, principalmente os italianos, também gostam de passar as festas nas montanhas para curtir um pouco a neve. Cidades badaladas como Cortina d’Ampezzo, Madonna di Campiglio, Bormio, Sella Nevea, etc. são muito procuradas nas festas de fim de ano.

    Há também a opção de passar a noite em um restaurante ou hotel que ofereça a ceia combinada com música ao vivo, por exemplo.

    Lago Maior é muito lindo, com muitos hotéis e uma ótima gastronomia. Há também castelos que oferecem algum tipo de programa, como o de Gradara, na região Marche.

    O calendário para essas festas geralmente é divulgado no segundo semestre.

    Obrigada pelo seu comentário ☺

    Abraços,

    Maria

  3. Ola, Obrigada pelas dicas!! Foi muito legal mesmo!! Esses calendarios acho que encontro no Google a partir do semestre que vem, ne? Grande abraço!!! Rebeca

  4. Olá, Rebeca,

    Sim, o calendário dos eventos de fim de ano começa a ser publicado lá pra fins de setembro/ outubro…

    Abraços,

    Maria

Deixe seu comentário ☺

error: