Escola Grande de São Roque, Veneza – Scuola Grande di San Rocco


Arte italiana / Dicas de Veneza

Em 2012, após ter visto a mostra de Tintoretto em Roma, jurei para mim mesma que a próxima vez que fosse a Veneza não iria deixar de visitar a Scuola Grande di San Rocco (Escola Grande de São Roque), cujas salas foram decoradas pelo magnífico Tintoretto e seus alunos.

A Escola é considerada um dos prédios mais famosos e bonitos da cidade, além de ser, até hoje, uma arquiconfraria, a qual recebeu esse título em 1789 pelo Papa Pio VI.

Assim como a Capela Sistina está para Roma, a Escola Grande de São Roque está para Veneza.

Passeios em português em VenezaEscola Grande de São Roque: Capela Sistina de Veneza



Aviso logo aos leitores que é proibido fotografar nas salas da Escola Grande de São Roque, até mesmo sem flash, e, por isso, à parte a minha foto pessoal, todas as outras fotos desta postagem foram baixadas pelos sites de Wikimedia Commons, Scuola Grande di San Rocco e Turismo de Veneza.

Escola Grande de São Roque em Veneza: Scuola Grande di San Rocco

Na entrada da Escola de São Roque. Só pude tirar foto aqui fora.

Escola afrescada por Tintoretto

Essa Escola, como citei no início, foi decorada por Tintoretto (Jacopo Robusti, 1519-1594), um dos maiores pintores da Escola Veneziana e, talvez, o último grande artista do Renascimento italiano.

Nela há um grande ciclo pictórico de cenas bíblicas pintado exclusivamente por esse artista e seus alunos, e é essa grande, e única, obra de arte do renascimento típico veneziano que os turistas querem ver.

Escola Grande de São Roque em Veneza: Scuola Grande di San Rocco

Foto: Scuola Grande di San Rocco.

Quero receber a newsletter mensal de Viagem na Itália

Escola Grande de São Roque em Veneza: Scuola Grande di San Rocco

Os espelhos à disposição dos visitantes para poderem admirar as pinturas no teto. Foto: Scuola Grande di San Rocco.

Espelhos para não ficar com dor no pescoço

É na Sala Superiore (Sala Superior), segundo andar do prédio, onde estão as maravilhosas pinturas de Tintoretto e de seus alunos. Como algumas estão pintadas no teto, a Escola oferece espelhos para que você possa apreciá-las sem precisar ter torcicolo.

Uma ótima ideia que poderia ser adotada em outros edifícios cujos tetos estão repletos de afrescos, assim se evitaria dor no pescoço.

Escola Grande de São Roque em Veneza: Scuola Grande di San Rocco. Obra de Tintoretto

Crucificação (1565), de Tintoretto. Foto: Wikimedia Commons.

A grandiosidade da Scuola di San Rocco

Sim, queria muito ter conseguido tirar uma foto de uma dessas maravilhas do artista veneziano, mas, por falta de sorte, tinha um segurança na sala que andava pra lá e pra cá para controlar os visitantes.

Fiquei sem fotos, mas tenho a lembrança da Sala Superiore como um dos lugares mais bonitos que eu já tenha visto em Veneza.

Escola Grande de São Roque em Veneza: Scuola Grande di San Rocco

Uma das obras da Escola. Foto: Site de Turismo de Veneza.

Fica a hiperdica

Quando for a Veneza, e se gostar da arte renascentista italiana, não deixe de visitar a Escola Grande de São Roque. Tenho certeza de que você irá ficar fascinado pela sua beleza.


 Leia minhas outras dicas de Veneza.


 Informações sobre a Escola Grande de São Roque, em Veneza (Scuola Grande di San Rocco)


 Sestieri San Polo, 3054. A Escola fica a cerca de dez minutos a pé da estação ferroviária Venezia Santa Lucia.

 Horário: Todos os dias, exceto no Natal e Ano Novo, das 9h30 às 17h30. A bilheteria fecha às 17 h.

 Ingressos:

10 euros (inteiro).

Para jovens até 26 anos, grupos de 20 pessoas (mínimo) e idosos com mais de 65 anos: 8 euros.

Grátis para adolescentes até 18 anos, da mesma família e acompanhados, pelo menos, por um dos pais.

Consulte o site da Scuola Grande di San Rocco (italiano e inglês).

Passeios em português em Veneza


*Esta postagem contém links de parceiros afiliados. Saiba mais no F.A.Q do blogue.


VIAGEM NA ITÁLIA

Desde 2003, sou residente em Riccione, um balneário turístico na região Emília-Romanha. No fim de maio de 2013, decidi tirar da gaveta a ideia de escrever um blogue com dicas de viagem na Itália, divulgando, assim, o maravilhoso patrimônio artístico, cultural e paisagístico que só este país pode oferecer. Desde 2018, trabalho como guia de turismo autorizada em Bolonha, Roma e Vaticano. Estou também no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. Assine a newsletter mensal.

Deixe seu comentário ☺

error: