O pequeno e colorido burgo de San Giuliano, Rimini, Emilia-Romagna


Dicas de Rimini e arredores

San Giuliano é um pequeno burgo fundado por antigos pescadores situado na parte norte da cidade de Rimini, região Emília-Romanha, a poucos minutos do seu centro histórico. Uma caminhada até este burgo é mais do que aconselhada, visto que você também terá o grande prazer de atravessar a pé a Ponte de Tibério, uma das poucas pontes romanas por onde ainda circula sobre a sua antiquíssima estrutura o infinito trânsito de automóveis.

Burgo de San Giuliano, Rimini: pequeno, colorido e charmoso

As casinhas coloridas do Burgo de San Giuliano em Rimini. Quando visitar o centro histórico riminese, não deixe de atravessar a milenária Ponte de Tibério para dar uma esticadinha até este burgo.

Burgo de San Giuliano em Rimini.

Muitas cores no burgo

Suas vielas, casas coloridas e pequenas praças são o exemplo de antigas construções populares, pobres, de característica medieval. A partir da década de 50, as velhas cantinas e osterias deram lugar a restaurantes e trattorias de um certo requinte, mas sem deixar para trás a deliciosa gastronomia à base de peixe dos velhos tempos.

Antes de ir ao Burgo de San Giuliano, aproveite para tirar umas fotos no monumental Arco d’Augusto  e também para visitar as Praças Tre Martiri e Cavour.

Burgo de San Giuliano em Rimini

Vista da Ponte de Tibério.

A milenária Ponte de Tibério

Existe uma escadinha no burgo de onde você pode descer até a beira do Rio Marecchia, o qual divide o centro histórico de Rimini do Burgo de San Giuliano. Na foto, uma imagem da milenária Ponte de Tibério.

Quero receber a newsletter mensal de Viagem na Itália

O grande diretor de cinema, Federico Fellini, nascido em Rimini,  amava este burgo. Em muitas casas, há murais que ilustram este diretor e seus personagens fellinianos, uma homenagem ao ilustre cidadão riminese que amava esse pedacinho da sua cidade.

Burgo de San Giuliano em Rimini

Em termos arquitetônicos, há resquícios de uma muralha do século XV-XVI que dividia a área litorânea da área urbana de San Giuliano.

Nos últimos anos, este burgo virou um centro de espetáculos culturais e artísticos. No verão, shows e outros eventos são realizados à beira do Rio Marecchia emoldurados pela imponência da Ponte de Tibério.

Burgo de San Giuliano em Rimini

Só a caminhada entre o colorido das casas do Burgo de San Giuliano já vale o passeio.

Uma outra atração que você, uma vez no centro histório de Rimini, não pode deixar de visitar é o Templo Malatestiano, uma verdadeira joia do Renascimento italiano.


Leia minhas outras dicas de Rimini e arredores.



* Esta postagem contém links de parceiros afiliados. Saiba mais sobre a Política de Monetização do blogue.


VIAGEM NA ITÁLIA

Desde 2003, sou residente em Riccione, um balneário turístico na região Emília-Romanha. No fim de maio de 2013, decidi tirar da gaveta a ideia de escrever um blogue com dicas de viagem na Itália, divulgando, assim, o maravilhoso patrimônio artístico, cultural e paisagístico que só este país pode oferecer. Estou também no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. Assine a nossa newsletter mensal.

Deixe seu comentário ☺

error: